06/10/2021

Coren-CE solicita revisão de valores pagos aos vacinadores em Fortaleza

Em novo edital de credenciamento, Prefeitura reduz o valor das jornadas de técnicos de Enfermagem e enfermeiros. Coren-CE condena os novos salários

O Conselho Regional de Enfermagem do Ceará (Coren-CE) protocolou ofício, na tarde de hoje (06/10), junto a Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza (SMS), solicitando a correção dos valores ofertados à técnicos de Enfermagem e enfermeiros que atuam na campanha de vacinação contra a COVID-19 na capital.

No edital 0122/2021, a SMS reduz em quase 50% o valor da hora trabalhada pelos profissionais que se dedicam a imunização da população fortalezense. “Esses profissionais já estão trabalhando com um salário abaixo do mercado. Agora fomos surpreendidos com um novo edital de credenciamento que fez despencar, de modo lamentável e desrespeitoso, os vencimentos daqueles que mais sofreram no enfrentamento dessa pandemia”, lamentou a presidente do Coren-CE, Ana Paula Brandão.

O documento apresentado pelo Conselho cearense solicita a readequação salarial por parte da SMS levando em consideração o Piso Salarial Ético, instituído pelo Coren-CE através da Decisão 041/2018. O texto fala, ainda, do respeito à dignidade humana.

Não coadunamos com salários que sejam ofensivos a dignidade dos trabalhadores da Enfermagem.




  • https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSd_UTZBDglkMU4H7r0jErSSWo6o3YSZ4O4AT_5RHD5Xa1vTdw/viewform?vc=0&c=0&w=1
  • banner-edimensionamento-207x117