23/01/2020

Coren-CE realiza interdição de todos os Postos de Saúde de Beberibe

Ação se deu após a constatação da insegurança técnica das unidades para a realização dos procedimentos de Enfermagem

O Conselho Regional de Enfermagem do Ceará (Coren-CE) realizou hoje (23/01) a interdição dos 16 Postos de Saúde (UBS´s) que integram a Rede de Assistência Primária do município de Beberibe, no litoral cearense.

 

A partir das 0h de amanhã (24/01) todos os serviços de Enfermagem das 16 unidades de saúde estarão suspensos por terem apresentado índices de insegurança técnica, quando desrespeita as condições de trabalho da equipe de Enfermagem e põe em risco o tratamento dos pacientes. “Após a fiscalização do Coren-CE em todas as unidades foram identificados problemas inaceitáveis para a qualidade do atendimento de Enfermagem ofertado a população”, explicou a presidente do Coren-CE, Ana Paula Brandão, enfatizando que a Prefeitura descumpriu as ordens de reparo, bem como os prazos estabelecidos pelo órgão.

 

Entre os problemas apontados pelo Coren nas unidades de saúde de Beberibe estão o sucateamento das geladeiras de armazenamento das vacinas; aparelhos autoclaves quebrados comprometendo a esterilização dos materiais; a falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPI´s); infraestruturas com condições precárias, com predominância de mofo; e até mesmo a inexistência de água encanada, com os materiais para curativos sendo lavados em baldes.

 

A ausência de enfermeiros foi outro problema que levou ao Coren a adotar a medida da interdição. “Nas sextas-feiras os serviços de Enfermagem dos postos são desenvolvidos somente pelos técnicos de Enfermagem, sem a supervisão do profissional enfermeiro, fato proibido por lei”, destacou a presidente.

 

O Conselho Regional de Enfermagem do Ceará aguarda as providencias da Prefeitura para os reparos necessários ao retorno do funcionamento dos serviços da Enfermagem nos postos.

 

 

:: A ação

 

A ação de interdição dos postos de saúde de Beberibe movimentou a cidade na manhã desta quinta-feira (23/01).

 

Após cumprirem a entrega de documentos na sede da Prefeitura e da Secretaria de Saúde do Município, conselheiros, fiscais e procuradores Jurídicos do órgão cearense visitaram todos os postos de saúde da cidade informando aos profissionais e à população sobre a interdição que irá começar amanhã (24/01).

 

 

:: Impactos para a população

 

Responsável por cerca de 80% dos serviços disponibilizados nas Unidades Básicas de Saúde, tais como consulta de Enfermagem, aplicação de vacinas, realização de curativos, dentre outros, a interdição dos procedimentos de Enfermagem irá impactar a vida da população de Beberibe.

 

Após sofrer uma queda de moto o filho da aposentada Maria Dalva* realiza os curativos em um dos Postos do município. Com a notícia da interdição a aposentada ficou preocupada com o processo de cicatrização das lesões no corpo do filho, mas apoiou a atividade do Coren-CE. “Não sabia que o material utilizado no curativo dele corria risco de contaminação. Fazer os curativos assim não adianta”, analisou a aposentada que solicitou ter sua identidade preservada.

 

 

*Nome fictício.

 




  • https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSd_UTZBDglkMU4H7r0jErSSWo6o3YSZ4O4AT_5RHD5Xa1vTdw/viewform?vc=0&c=0&w=1
  • banner-edimensionamento-207x117